Abra seu consultório odontológico em Macapá em 7 passos

criança num consultório odontológico em macapá

Durante a faculdade, o estudante de Odontologia normalmente aprende tudo sobre teoria e prática da sua profissão. Afinal, o objetivo é que, depois de formado, ele esteja apto para atender os seus pacientes, certo? Contudo, neste artigo, vamos falar do desafio que é abrir um consultório odontológico em Macapá.

Não que seja um problema fazer isso na capital amapaense, mas a questão é que poucos profissionais recém-formados têm noções de empreendedorismo para lidar com essa missão. Ou seja, a formação técnica nem sempre explora essa possibilidade com a qual o aluno vai ter que lidar após a conclusão do curso.

Por isso, resolvemos montar um passo a passo do que você não pode deixar de lado se quiser abrir o seu próprio negócio nesse ramo:

  • capacite-se para criar diferencial competitivo;
  • escolha a localização;
  • defina as especialidades;
  • considere ter sócios;
  • cuide da parte legal;
  • monte um planejamento financeiro;
  • divulgue o seu negócio.

Confira os tópicos a seguir!

1. Capacite-se para criar diferencial competitivo

Todo mundo sabe que a Odontologia não é uma área que surgiu recentemente, logo, a concorrência já é um fator esperado nesse tipo de mercado. Para destacar-se e atrair pessoas ao seu consultório, o profissional precisa adquirir diferenciais competitivos.

O que isso quer dizer na prática? É claro que existem outros pontos a serem considerados, mas investir em capacitação é fundamental a fim de preparar-se para os serviços que serão oferecidos — sem contar que vai contribuir para passar uma imagem positiva e deixar os novos pacientes mais seguros de que estão em boas mãos.

Sendo assim, o primeiro passo é apostar em qualificação. Além de contar com o curso de Odontologia aqui da FAMA, é importante desenvolver competências complementares, acompanhar as tendências da área, aprender as novidades e fazer cursos de atualização. A busca pelo conhecimento será sempre um ponto a seu favor.

2. Escolha a localização

Sabendo que você tem capacidade técnica para montar o seu próprio consultório e está disposto a fazer isso, a próxima tarefa é buscar um local adequado para atender os seus pacientes.

Antes disso, faça uma lista do que você considera como prioridade para o seu futuro ambiente de trabalho, pensando em tópicos como: localização, acessibilidade, tamanho, estrutura, entre outros. Por exemplo, pode ser que trabalhar perto de casa seja uma coisa da qual você não abre mão. Ou que você prefira atender em bairros mais conhecidos e acessíveis, como Central e Cabralzinho.

Depois de definir as suas preferências, comece a pesquisar lugares e visite vários deles para poder ter opções de escolha. Estude o mercado de trabalho e o comércio em Macapá para encontrar aquele que mais tem a ver com seus objetivos e com o seu público-alvo.

3. Defina as especialidades

Outra preocupação inicial necessária é definir quais serão as especialidades oferecidas no seu consultório. Isto é, se você vai atender como clínico-geral, se vai abranger serviços ortodônticos, se vai fazer cirurgias ou não etc.

Sinalizar quais são as especializações e possibilidades de atendimento é algo relevante não só para informar as pessoas interessadas, como também para você identificar tudo o que será necessário para montar a clínica (especialmente no que se refere a equipamentos e a outros materiais de trabalho).

Não precisa nem dizer que todo serviço especializado só pode ser exercido por profissionais autorizados, certo? Esse é mais um motivo para investir em capacitação, acumular certificações e variar os seus serviços.

4. Considere ter sócios

Essa é uma oportunidade que deve ser avaliada considerando os prós e os contras de montar uma sociedade, afinal, cada pessoa vive uma realidade diferente. Encontrar outro profissional para dividir consultório pode ser uma forma de reduzir custos e de somar forças para criar uma marca no mercado amapaense.

Inclusive, o seu sócio pode atuar no mesmo ramo da Odontologia ou não, já que existem consultórios que mesclam diferentes especialidades (como Psicologia ou Fisioterapia e até segmentos da Medicina). Por outro lado, você pode optar por ter um sócio que seja apenas um investidor e que não trabalhe diretamente na clínica.

Como são diversas as alternativas, a dica principal, antes de firmar qualquer sociedade, é pensar muito bem e fazer um contrato consensual entre as partes para evitar problemas futuros.

5. Cuide da parte legal

Caso você não entenda nada da parte jurídica, comece informando-se no Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) sobre as particularidades de abrir uma empresa no estado do Amapá. Porém, o ideal é contratar um advogado ou um contador para fazer todo o processo de acordo com a lei. É necessário tirar os alvarás de funcionamento, regularizar a empresa, pagar impostos etc.

Lembre-se que qualquer detalhe que for deixado pode gerar multas ou outros tipos de complicações. Portanto, atente a todas as exigências para já não começar colocando a sua credibilidade e o seu negócio em risco!

6. Monte um planejamento financeiro

Ter um planejamento financeiro é outro item indispensável do seu plano de negócio, e qualquer aluno de Administração sabe disso. Não dá para dar um passo tão importante como esse sem analisar o quanto de dinheiro deve estar envolvido, concorda?

Mesmo com toda empolgação para ter seu consultório odontológico, coloque todos os custos previstos no papel para ter completa noção do quanto será preciso investir e quais serão as despesas mensais. Se você contratar outras pessoas, por exemplo, o salário delas deve ser pago independentemente da situação da clínica para manter o bem-estar dos funcionários.

No início, você pode não ter um público tão grande e deve estar preparado para arcar com os gastos fixos. Mantenha sempre um fluxo de caixa organizado e acompanhe todos os números.

7. Divulgue o seu negócio

Por fim, pense em estratégias de Marketing e de divulgação para a sua clínica! De nada adianta ser um ótimo profissional e esforçar-se na montagem do negócio se as pessoas não conhecerem o seu trabalho.

Nesse sentido, aproveite que a internet está cheia de ferramentas gratuitas para fazer a sua comunicação, mas também vale apostar em outros meios. O segredo é apostar em qualidade para representar bem o seu nome e atrair pacientes. Se não tiver muita experiência no ramo, peça ajuda de amigos ou contrate uma agência para lidar com essa tarefa de forma organizada.

Gostou das nossas dicas para montar consultório odontológico em Macapá? Se você já atua ou tem interesse em atuar na Odontologia, não deixe de saber quais são as profissões da área da Saúde mais promissoras!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

cursos fama

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.